Feeds:
Posts
Comentários

Archive for the ‘Abril 2009’ Category

O triste fim

o_fim21
Chega o dia em que todos sabem, mas nunca esperam..chega o fim.
.
Ele é sempre triste, não pra todos, mas é triste.
.
Ninguém ainda conseguiu explicar porque ele chega assim tão de repente.
Muitas vezes não vemos o começo, mas o fim, esse qualquer um pode ver.
.
Se você se recusa a olhar, ele se mostra até que você o perceba. Às vezes quando você percebe é tarde.
.
E ai o fim não te deixa voltar no começo.

Anúncios

Read Full Post »

galeano

That’s my man right here. Eduardo Galeano!

Brecht dizia: infeliz da nação que precisa de heróis! Você já se perguntou por que o nosso herói nacional sempre aparece enforcado? Por que usar o feriado de Tiradentes e não o ufanista descobrimento do Brasil? Por que não nos consideramos americanos mesmo morando na América?

Neste sábado (18), durante a 5ª Cúpula das Américas, em Trinidad e Tobago, o presidente da Venezuela, Hugo Chávez, deu ao presidente americano Barack Obama o livro As veias abertas da América Latina (Editora Paz e Terra), de Eduardo Galeano. Ao dar o livro, Chávez justificou “para que o senhor conheça melhor a América Latina”.

O que Chávez fez foi levar para as pessoas de língua inglesa um livro que é um marco na América Latina. O livro, que estava na posição 54.295 do ranking da Amazon, subiu em questão de horas para a posição 17. No dia seguinte, em segundo!

“O livro propõe um rigoroso inventário da história de um continente que deu ouro e prata, açúcar e diamantes, café, minerais estratégicos e vidas humanas aos colonizadores de plantão, recebendo em troca pouco mais que um subdesenvolvimento crônico e controlado”

Da minha parte eu concordo com o Chavito, quer vir discutir AL, leia o livro e entenda o porquê estamos onde estamos. Eu li o livro na trêm, durante minhas viagens para a faculdade e pude sentir o peso do livro que estava em minhas mãos.

Eu li a 43° edição do livro, que tem um prefácio lindo de Isabel Allende, que por acaso é sobrinha de Salvador Allende, tá com preguiça de ler o livro todo? Dá uma olhada na história deste homem e você nunca vai ver o dia 11 de setembro da mesma forma.

O livro já foi traduzido para várias línguas ao redor do mundo, proibido durante as ditaduras na América Latina, onde pessoas “sumiam” pelo simples fato de terem esse livro!

Quando estive no Fórum Social eu vi uma palestra do Galeano e ele citou uma de suas mais célebres frases, sobre a utopia:

“A Utopia está lá no horizonte.

Me aproximo dois passos, ela se afasta dois passos.

Por mais que eu caminhe, jamais alcançarei.

Para que serve a Utopia?

Serve para isso: para que eu não deixe de caminhar”

Continuo concordando com o Galeano. E agora com mais pessoas conhecendo a história de exploração sofrida por parte de nosso continente, tomemos novos rumos. Rumos justos, está é a principal mensagem do livro.

Mensagem muito parecida com a que Tiradentes e seus amigos cravaram na bandeira do estado mineiro:

Liberdade, antes que tardia

Read Full Post »

umsegundo2009

REFLEXÃO DE UM SEGUNDO (12)

Homens de bem procuram uma possibilidade para ajudar o proximo?

Read Full Post »

Giz

rainbow_crayons_by_sunsetjen

Eu tentei escrever minha vida com giz de algodão

sem chão, aprendi que doces carinhos não deixam marcas.

São confundidos com fraquezas e incompreensão

.

Novos gestos escritos com giz de seda

suaves, em busca de nobreza

foram apagados com mentiras e asperezas

.

Agora, com um afiado giz de cera

escrevo atos em meu couro surrado.

Read Full Post »

Losing time

chinelas

Não entendo por que fico parado tanto tempo. Lá fora tantas coisas acontecem e eu aqui, sentado na frente do computador, matando o tempo. Às vezes ponho a culpa na violência em que o mundo se encontra para não sair de casa. Ponho a culpa na preguiça, no calor, no frio. Tudo é desculpa para que eu fique trancado em casa, em frente ao computador ou em frente a TV, sentado deixando a vida passar.

Ah!! Eu também coloco a culpa nos outros. Eu os chamo para sair e eles nçao aceitam. Pelo frio, pelo calor, pela violência. Ai eu os chamo de vagabundos, de desertores, sendo que eu sou o maior deles! Porque ao invés de eu sair por ai sozinho, prefiro reclamar e deixar a vida passar.

-Olha a vida ali!!

-Aonde?

-Já passou amigo!!

Read Full Post »